fbpx

Wild Area e outras novidades de Sword e Shield

Com a proximidade do lançamento de Sword e Shield, alguns portais já tiveram acesso ao jogo por 90 minutos (ou duas horas, dependendo da fonte), como o Eurogamer PT, a IGN, a Metro UK, e a VG247, que divulgou um trailer de gameplay de 10 minutos.

Tour por uma cidade de Galar

Infelizmente, todos foram proibidos de divulgar os Pokémon vistos que não foram divulgados em trailers ou vídeos oficiais ainda (the hype train is on fire), porém eles comentaram algumas coisas:

  • O rival começa com dois Pokémon (um starter com vantagem sobre o seu, e um Wooloo) e você com um.
  • O tutorial de captura pode ser ignorado no primeiro momento, permitindo que você use suas 5 Pokebólas iniciais para capturar outros Pokemón antes de enfrentar seu rival.
  • O PC pode ser acessado diretamente dentro da Wild Area.

A Wild Area, ou área selvagem, é uma planície majoritariamente campina no meio do mapa de Galar. Nela, Pokémon vagueiam livremente, assim como eles fazem em áreas de grama alta, em um sistema similar ao de Let’s Go.

Wild Area e outras novidades de Sword e Shield
Fonte: Gamefreak

Existem agora 3 tipos de encontros: Pokémon visíveis vagando que você esbarra, encontros aleatórios tradicionais na grama alta e encontros “pontos de exclamação” na grama alta que você pode provocar para encontrar um Pokémon mais raro ou evitar, saindo de fininho. Porém alguns Pokémon só podem ser encontrados nessas “Exclamações”.

Continuando com as novidades, temos a aparição de Pokémon “aparentemente fortes”. Similar aos Pokémon de Let’s Go que apareciam as vezes com certas auras, um Pokémon pode aparecer raramente com uma leve aura amarela, o que significa que ele tem pelo menos 2 IVs máximos e possui Egg moves ao invés de moves normais, facilitando o Breeding competitivo e trazendo novas mecânicas para a obtenção do time perfeito.

Fonte: Gamefreak

O maior diferencial da Wild Area é que se você vagar para a parte errada, vai notar que os Pokémon selvagens podem estar dramaticamente mais fortes do que em outras Áreas!! Não que você não possa se aventurar em uma área de level alto perto das cidades, mas talvez não seja uma boa ideia ser pego em um batalha com um Pokémon totalmente evoluído de level 50 tendo somente o seu inicial de level 8 e um Pidgey level 6…

Wild Area e outras novidades de Sword e Shield
Onix julgando você (fonte: Gamefreak)

Para balancear esse fator da Wild Area, o mapa recebeu uma melhoria: agora ele possui um marcador de objetivo e uma pequena frase no canto superior esquerdo que te lembra o que deve ser feito, dando um destaque todo especial ao Mapa em relação as gerações anteriores.

Quanto aos aspectos técnicos comentados, temos o seguinte:

  • Os Pokémon se movem na natureza com movimentos que são mais rebuscados que os movimentos robóticos de vai-e-vem de Let’s Go.
  • A taxa de frames se manteve estável, mesmo nas batalhas mais dramáticas como as Max Raids.
  • Os cenários são bem mais detalhados do que os trailers sugerem.

Falando em Max Raids, elas são uma das grandes novidades do jogo (claramente inspiradas em Pokémon GO), colocando o Player e mais 3 (amigos online ou NPCs) em batalhas contra uma versão gigante de um Pokémon que pode ser raro. Para entrar em uma Max Raid, basta interagir com um dos trequinhos luminosos na Wild Area e você será jogado em uma batalha.

Segundo a representante da Pokemon Company, o tamanho da Wild Area é por volta do tamanho de duas regiões de The Legend of Zelda: Breath of the Wild. A área conta com controle livre da câmera e Pokémon de boa na lagoa cuidando da sua própria vida andando livremente, incluindo os já citados Pokémons bem mais fortes que você.

Mapa de Zelda: Breath of the Wild, com as regiões ressaltadas.
Fonte: Polygon

Você pode ganhar uma moeda exclusiva da Wild Area chamada Watts, que pode ser usada para comprar item dos mercadores que andam pela área e vendem equipamento para o acampamento (Pokémon Camp), itens e ingredientes para Curry deliciosos. Alguns itens sé podem ser comprados nessa área.

Os ingredientes de Curry podem ser encontrados, comprados ou recebidos, enquanto as receitas podem ser encontradas, compradas, presenteadas ou descobertas por experimentação (acorda Masterchef, temos visitas).

Existe um local no mapa, fora da Wild Area, que você pode se reunir com seus amigos e entrar juntos. Infelizmente essa “reunião” com os amigos está restrita a essa área (mas ainda podem se encontrar separadamente lá dentro). Além de planejar batalhas, Max Raids e trocas, você ainda pode se mostrar disponível para batalhas e trocas com outras pessoas online que estejam desejando o mesmo.

Os Pokemon Gigantamax só podem ser pegos através de Max Raid ou através de eventos especiais. Assim como no Pokémon GO, todos tem uma chance de pegar o Pokémon derrotado na Max Raid, mas diferentemente de PokeGO, só um dos players precisa ser bem sucedido na captura para que todos recebam o Pokémon. Obviamente, batalhas Max Raid são bem mais divertidas com amigos, e assim que se entra no raio de luz, aparece a opção de convidá-los.
O Player não pode fazer Max Raids sozinho (o jogo coloca NPC’s para te ajudar, caso decida ir sozinho), visto que os Pokémon são muito fortes e as condições climáticas do terreno mudam, o que aumenta a dificuldade.

O post será atualizado conforme tivermos acesso a fontes confiáveis, para não alimentar o hype (que já está do tamanho de uma Wailord) com notícias falsas/rumores.

Pokémon Sword e Pokémon Shield serão lançados exclusivamente para o Nintendo Switch e Nintendo Switch Lite em 15/11/2019.

Pokémon Camp
Fonte Eurogamer Metro UK IGN
Você pode gostar também
Comentários
Carregando...