fbpx
Ei Nintendista! Já ouviu o último episódio do nosso podcast?

[Rumor] Switch Pro pode ter telas de Mini-LED

[Rumor] Switch Pro pode ter telas de Mini-LED

Os rumores não param de surgir. Já há boatos de um novo modelo de Nintendo Switch com 4K, melhor bateria e agora a novidade apontada é tela com tecnologia Mini-LED. Enquanto a Sony e a Microsoft digladiam-se em lançamentos dos consoles da nova geração, rumores sobre os planos futuros da Nintendo para o hardware Switch continuam surgindo em grande escala.

O último boato surgiu no Economic Daily News e sugere que uma versão atualizada do Switch poderá contar com uma tela Mini-LED da Innolux Corporation, uma fabricante de painéis taiwanesa.

O relatório sugere que a Innolux recebeu recentemente uma visita da Big N, com a insinuação de que pode estar rompendo com seus atuais fornecedores de telas, Sharp e JDI, e usando a tecnologia de tela Mini-LED da Innolux em um Switch atualizado que, segundo rumores, chegará no próximo ano.

Se você ainda não sabe o que é o Mini-LED, a gente te conta. Mas já é bom avisar que não se trata de joy-cons com telas individuais (fica a dica aí @Nintendo). Em vez disso, a tela principal no novo console traria a tecnologia Mini-LED ao invés da tela LCD de 720p retroiluminada nos modelos atuais.

Mas afinal, o que é esse Mini-LED?

Bom, pra resumir de forma mais fácil, podemos dizer que o Mini-LED é uma mistura das as telas LCD retroiluminadas atuais com iluminação local no estilo OLED. 

Tela Mini-LED
Tela com tecnologia de Mini-LED. Créditos: TCL.

Cada pixel em uma tela OLED emite sua própria luz e pode ser ligada ou desligada individualmente, enquanto as telas LCD dependem da iluminação de fundo, o que pode resultar em vazamentos de luz e áreas escuras da tela que apresentam tons acinzentados em vez de preto (tipo quando você liga seu Switch após um desligamento completo).

Diferente da retroiluminação do LCD tradicional, as telas Mini-LED tem pontos de luz para iluminar os pixels na tela com muito mais precisão, melhorando o contraste da tela e, potencialmente, a vida útil da bateria. Já que a luz é apenas entregue aos pixels que precisam, os derramamentos de luz não acontecem, o que deixa o preto realmente preto. 

Outras empresas, como a Apple por exemplo, vem supostamente implementando essa tecnologia em seus produtos como uma forma econômica de melhorar sua gama de telas sem ir para a rota mais cara de OLED.

Então, o que isso influencia no Nintendo Switch Pro? 

O contraste e o brilho da possível tela com tecnologia Mini-LED batem de frente com os de uma tela OLED e melhoram a vida útil da bateria. O consumo de energia com mais eficiência se dá uma vez que não será necessário iluminar toda a tela do Switch Pro e, sim, somente os pontos necessários. Se isso não vai passar de um boato, ninguém sabe no momento, mas de todos os rumores que circulam pela internet, este certamente parece mais plausível do que muitos.


E você, o que acha desse rumor? Faz sentido o Nintendo Switch Pro vir com essa tecnologia? Conta aqui pra gente nos comentários o que você gostaria que também fosse colocado nessa possível nova versão do console.

Cael Martins
Mineiro, aficionado por Pokémon, Super Mário e Smash Bros. Pode entrar melhor jogo do mundo: The Legend of Zelda: Breath Of The Wild.