Ei Nintendista! Já ouviu o último episódio do nosso podcast?
Space Invaders Forever - A odisseia alienígena retorna

Space Invaders Forever – A odisseia alienígena retorna

Se prepare para derrotar muitos invasores do espaço neste Shoot' em Up que começou em 1978 e até hoje continua sendo apreciado por saudosistas e gamers oldshool

Quando o primeiro filme de Star Wars foi lançado em 1977 foi muito bem recebido pelo público e pela crítica. Um dos fã da franquie era também produtor de games e teve uma ideia genial: colocar em um jogo eletrônico pitadas do que Star Wars foi na época. Começa aí a odisseia de fazer um jogo épico que poderia ser lembrado por muito tempo. Bom, o filme é lembrado e cultuado até nos dias de hoje, agora o tal game que foi produzido por Tomohiro Nishikado fez muito sucesso, mais especificamente em terras nipônicas e seus arcades. Nascia em 1978: Space Invaders.

A premissa era simples, você tinha que derrotar ondas de inimigos atirando projéteis contra eles que se moviam quase que em sincronia e em um padrão interessante. Foi assim que nasceu o gênero shoot’em up. E deu certo! Era viciante e ainda continua sendo, pelo menos para os saudosistas da franquia. Tivemos alguns lançamentos de Space Invaders de lá pra cá e poucas mudanças foram adicionadas, até mesmo pra atrair novos jogadores, mas no fundo o game continua sendo oldschool em sua essência.

Recentemente, a TAITO e a ININ Games nos contemplaram com uma coletânea composta por três jogos da franquia, sendo dois destes já lançados e que muitos já conhecem de alguma forma, e um que seria a cereja do bolo, totalmente novo (pelo menos por aqui no ocidente), planejado para ser jogado em modo multiplayer local. Conheça os games que estão na coletânea de Space Invaders Forever:

Arkanoid vs. Space Invaders

Space Invaders Forever - A odisseia alienígena retorna

Alerta: Esta versão você só pode jogar no modo portátil (com a tela na vertical), e comandado apenas por toque!

O jogo Arkanoid vs. Space Invaders que está disponível no Nintendo Switch é o mesmo que já existe para celulares e tablets. Inclusive você vai notar que essa versão vem em um arquivo separado para download, é estranho de início por causa da movimentação por toque (ainda mais pra quem não jogou a versão de smartphone), e claramente é notável que essa versão foi produzida com os smartphones e tablets em mente. A versão do Nintendo Switch segue na mesma pegada “mobile” e nada foi acrescentado ou mudado.

São 150 fases curtas e com contador de tempo, com direito até a estrelas no final de cada fase. A premissa é simples e chega até a ser legal, mas se você abusar vai enjoar rápido! Você deve controlar a VAUS, um controlador que vai rebatendo projéteis que saem das naves acima pra destruir os blocos. É uma mistura interessante de Arkanoid com Space Invaders que faz valer a pena por causa dos personagens desbloqueáveis de alguns outros games da TAITO, mas como já dissemos, não abuse!

Mesmo sendo praticamente um port mobile colocado na coletânea, é um bom jogo se você não se incomodar com a forma de jogabilidade dele, que usa seu Switch na vertical e com tela de toque (esqueça modo dock).

Space Invaders Extreme

Space Invaders Forever - A odisseia alienígena retorna

Originalmente lançado para Nintendo DS e PSP, em Space Invaders Extreme o frenesi visual é a palavra chave. Você deve matar hordas de inimigos em uma viagem psicodélica de cores e sons eletrônicos. É, de longe, a versão mais divertida desta coletânea, é uma pena que esse “frenesi” todo se acaba em poucos minutos, sim, esta versão é muito curta a ponto de você terminar sem perceber e ficar querendo mais.

Ainda bem que colocaram um modo mais hardcore para quem quiser sentir um pouco mais desta versão. Os controles são precisos e esteticamente falando, é lindo.

Space Invaders Gigamax 4 SE

Space Invaders Forever - A odisseia alienígena retorna

Space Invaders Gigamax 4 SE é a novidade da coletânea! Mesmo que essa versão já seja conhecida no Japão há um bom tempo e somente agora que chegou para nós aqui deste lado curtirmos. Saudosistas da franquia podem gostar desta versão (ou não). Vamos lá: o que você faria se o seu jogo meio que te obrigasse a jogar em equipe pra se tornar mais divertido ou menos penativo?

Apenas um detalhe: você não tem amigos e para piorar o game não possui modo online! Complicado, não é? Pois é, infelizmente essa versão é pensada para ser jogada com até 4 pessoas, porém sem ser online, sim, tem que ser em modo local. Se você não tem amigos por perto pode se arriscar a jogar sozinho, mas é bastante difícil que você passe mesmo até a segunda onda de inimigos, porque a quantidade de oponentes na tela é projetada para que sejam derrotados em cooperação com outras pessoas.

Mesmo assim, apesar da versão apresentar um design que nos remete ao gostinho de se ter jogado Space Invaders lá em meados dos anos 80, minimalista nos aspectos gráficos e sonoros, será um trabalho árduo para passar por algumas ondas de inimigos (isso se você passar). A maior novidade do pacote não é tão divertido se não for jogada em cooperativo, uma pena mesmo!

Sonoridade de outro planeta

A coletânea se destaca neste campo por manter uma qualidade sonora interessante nos 3 jogos da coletânea, sem grandes exageros. Nada que vá se tornar memorável, mas cumpre seu papel. Você vai ouvir sons agitados, calmos e até oldschool!

Diversão garantida, mas por pouco tempo

Space Invaders Forever - A odisseia alienígena retorna

No campo da diversão, posso afirmar que essa coletânea vai agradar os saudosistas ou fãs de Space Invaders. Talvez os mais novos tenham um certo receio em relação a progressão dos games, pois em certos momentos pode parecer bem casual ou sem grandes desafios, mas a essência desses games têm em sua fórmula muita diversão, estratégia e senso aguçado nos reflexos. São jogos que devem ser apreciados em doses homeopáticas, não tem gráficos em 3D e muito menos armas ultra realistas. Tudo é muito minimalista e cadenciado para ser jogado com um olhar diferenciado.

Frenético, irritante e delicioso

Space Invaders Forever - A odisseia alienígena retorna

Dependendo do jogo dentro da coletânea que você escolher, vai se divertir com os controles ou vai se irritar! Em Space Invaders Extreme, por exemplo, tudo é muito rápido, frenético, colorido e viciante, e ao mesmo tempo ele é frustrante por ser um game bem curto, em que você finaliza em poucos minutos e fica aquela sensação de quero mais. Os controles funcionam perfeitamente e pode ser jogado no modo portátil ou na dock.

No Arkanoid vs. Space Invaders você é obrigado a jogar no modo portátil e não é nem um pouco confortável jogar com a tela de toque do Switch com o aparelho na vertical. Deveriam pelo menos terem adicionado um modo mais comum que pudesse ser apreciado tanto no modo portátil ou na televisão, mas não fizeram isso. Essa versão é a mesma que saiu para smartphones tempos atrás e pra finalizar, fica bem repetitivo e cansativo com o tempo se você abusar.

Na “cereja do bolo” Space Invaders Gigamax 4 SE, você se sente obrigado a convidar mais três amigos para jogar com você, caso contrário, vai sofrer, nem tanto pelos controles, mas sim porque são inúmeros inimigos para serem derrotados com apenas um controlador, quase impossível. Mas os controles funcionam muito bem nesta versão.

Compensa pegar agora?

Ente altos e baixos, eu esperaria uma promoção boa na eShop para garantir essa coletânea nostálgica de Space Invader, visto que o conteúdo que vem, agradará somente os saudosistas e fãs da franquia.

5.6 / 10 Nota Final
Prós
- Space Invaders Extreme é frenético, excepcional e bonito
- Space Invaders Gigamax 4 SE é muito legal se for jogado em cooperativo
- Arkanoid vs. Space Invaders é viciante se for jogado como um game casual
- Toda a essência oldshool você vai encontrar nos três games da coletânea, de formas diferentes
Contras
- Space Invaders Extreme é muito curto
- Space Invaders Gigamax 4 SE é um tiro que saiu pela culatra, infelizmente
- Arkanoid vs. Space Invaders tem otimização de controles estranhas e jogar com a tela touch não é tão legal
- Valor muito alto pelo o que ele apresenta
- Sem grandes novidades
Resumo
Space Invades Forever é a coletânia com três games, dentre eles a novidade pelo menos aqui pra gente do ocidente, Space Invaders Gigamax 4 SE, tinha tudo pra brilhar se fosse online e em Arkanoid vs Space Invaders, os controles são confusos! Mesmo com alguns tropeços, a coletânia consegue passar a sensação oldschool.
Design
Trilha Sonora
Diversão
Gameplay
Custo x Benefício

[Nota do Editor: Space Invaders Forever foi analisado a partir da sua versão para Nintendo Switch. A cópia do jogo foi gentilmente cedida pela PR Hound para avaliação.]


[A coluna acima reflete a opinião do redator e não do portal Project N]

Rafael Escobar
Além de amar cafés, sou apaixonado por games desde 1980, época de ouro! Amor incondicional por Pixel Arts, Índies e Games Excêntricos!!!! F.C : SW-3494-9190-7812