Ei Nintendista! Já ouviu o último episódio do nosso podcast?

[Entrevista] André do Switchin Brasil falando sobre sua coleção de jogos para o switch, seu canal no YouTube e mais

[Entrevista] André do Switchin Brasil falando sobre sua coleção de jogos para o switch, seu canal no YouTube e mais

Hoje tivemos o prazer de bater papo com um cara incrivel diretamente do Canada, o André do Switchin Brasil, o maior colecionador de jogos de Nintendo Switch, ao menos que este humilde colunista conhece, espero que curtam a entrevista.

Project N – Primeiro gostaria de agradecer a você pela entrevista e pedir para que você se apresente para nossos leitores

André – Antes, queria agradecer ao espaço para falar sobre mim e sobre o meu canal. Bom, eu sou o André, tenho um canal do youtube chamado SwitchinBrasil, atualmente moro em Edmonton-AB no Canadá tenho 30 anos (faço 31 dia 15 de janeiro), e fui criado em Foz do Iguaçu no PR onde passei toda minha infância.

Project N – Hoje você é um dos maiores colecionadores de Nintendo Switch Brasileiro, você é um youtuber que acabou virando colecionador ou um colecionador que acabou virando youtuber?

André – Curiosamente eu sou um Youtuber que virou colecionador, no início o objetivo de comprar os jogos era pra fazer review de games pouco conhecidos que pudessem ser bons, por exemplo Remi Lore um jogo que quase ninguém ouviu falar foi o primeiro vídeo do canal a chegar em 100 views. Conforme o tempo foi passando eu fui comprando jogos e mais jogos e ai depois eu pensei, poxa eu podia colecionar ao invés de vender esses jogos, e foi nesse ponto que eu virei um colecionador mesmo e comecei a garimpar tudo que é jogo que eu não tinha.

Project N – Como foi sua trajetória ao longo da infância com consoles, quais teve e quais não teve mas gostaria de ter tido quando mais jovem?

André – Eu tenho um irmão mais velha então no começo eu ganhava os consoles antigos do meu irmão, eu cheguei a ter um Atari 2600, Nintendinho, Mega Drive e Super Nintendo, o primeiro videogame meu mesmo foi um Nintendo 64 que ganhei de natal em 1997, um ano depois ganhei Gameboy Color com todos os jogos do Pokemon (Red Blue e Yellow). Depois disso eu meio que virei um PC Gamer, cheguei a ter um gameboy advance, playstation e playstation 2, wii e wii-u só que mal jogava eles. Foi a época dos MMORPGs Online e da LanHouse. Eu voltei a comprar um videogame só pós 2010 quando comprei um 3DS e ai sim voltei a jogar consoles mesmo. Eu sempre quis ter um gamecube e um nintendo DS, só que na época eu só jogava PC e ai acabei deixando passar. Felizmente eu pude jogar gamecube na casa de meu primo e com a retro compatibilidade do 3DS joguei vários jogos do DS que queria (os pokémons, Chrono Trigger DS, entre outros).

Project N – Qual seu console favorito e qual a sua franquia favorita?

André – Vai parecer que eu estou puxando a sardinha pro meu lado mas, é claro que é o Switch, a portabilidade dele me tornou criança de novo. No 1° ano que morei em Vancouver, eu demorava quase 2 horas para sair de casa e ir até a faculdade, no começo eu ia jogando 3DS, depois eu mudei pro Switch, e isso abriu muitas possibilidades, é incrível poder jogar tantos jogos “on the go” desde remakes do 3DS como Rune Factory 4 até jogos atuais como Doom. O Switch me permitiu ter tempo para jogar que a vida adulta não me dava mais. Minha franquia favorita depois de Steins;Gate (que tem uma história fantástica super recomendo pelo menos verem o anime), atualmente é The Legend of Zelda, eu era muito fã de Pokémon e de Final Fantasy mas, essas duas franquias me decepcionaram muito recentemente. Eu também adoro os jogos do Mario e Zelda, mas eu fico com Zelda.

Project N – Quantos jogos você tem para Nintendo Switch hoje?

André – Juntando todos os jogos gratuitos, digitais e extras tenho o total de 530 jogos.

[Entrevista] André do Switchin Brasil falando sobre sua coleção de jogos para o switch, seu canal no YouTube e mais
André com sua Coleção de jogos do Switch

Project N – Quantos destes jogos são físicos?

André – Jogos físicos são 430 (caixinhas algumas caixas vem com download code como a Edição de 30 anos do fire emblem) e 424 Cartuchos.

Project N – Tem algum jogo que você tenha digital que gostaria de ter a mídia física dele?

André – Vários só pra começar adoraria ter Hollow Knight físico, Ori, WarGroove, Stardew Valley e vários outros.

Project N – Qual o maior valor que você já desembolsou na compra de um jogo e qual jogo é?

André – Foi na faixa de 180 dólares canadenses (mais ou menos 763 reais) no My Hero One’s Justice 2, a única edição de colecionador que custou mais que o padrão de 120 dólares canadenses (aproximadamente 508 reais). Ela vem com uma miniatura do Deku do Boku no Hero.

Project N – Qual o seu jogo mais raro?

André – Eu diria que é a edição de colecionador do Octopath Traveler. Quando ela foi anunciado por ser um jogo Pixelado as pessoas acabaram não comprando, hoje ela usada você encontra vendendo por 3x o valor original.

[Entrevista] André do Switchin Brasil falando sobre sua coleção de jogos para o switch, seu canal no YouTube e mais
Edição de colecionador de Octopath Travaler do André

Project N – Há algum jogo que você não venderia?

André – Por preço nenhum eu vendo minha edição de colecionador do Steins;Gate Elite, eu sempre quis ter esse jogo desde que vi o Anime, quando anunciaram essa versão pro Switch eu fui a loucura, se chegar o momento que eu tenha que vender tudo, só essa que eu não venderia.

Project N – Qual o valor máximo que você já gastou em um mês com a aquisição de jogos para a sua coleção?

André – Eu não sei dizer ao certo mas, sei que foi próximo de 1000 dólares canadenses (4239 reais) em um mês.

[Entrevista] André do Switchin Brasil falando sobre sua coleção de jogos para o switch, seu canal no YouTube e mais
Parece quebra cabeça mas é apenas a coleção do André

Project N – Qual o jogo mais barato que você comprou e como encontrou?

André – Comprei o WWE2K18 usado no facebook market place por 5 dólares canadenses (21 reais). Eu havia me desfeito do meu antes de virar colecionador e ai comprei um outro pra ter na coleção.

Project N – Quais seus jogos favoritos da sua coleção? Se você pudesse escolher apenas 5 quais seriam eles?

André – São muitos, Octopath Traveler, Zelda Breath of the Wild, Smash Bros Ultimate, Steins;Gate Elite, A.I The Somnium Files, Xenoblade Chronicles, Rune Factory 4 e a lista continua. Se eu tivesse que escolher apenas 5 jogos seriam: Steins;Gate Elite, Zelda Breath of the Wild, Mario Odyssey, Smash Bros Ultimate e Octopath Traveler.

Project N – Quais são os seus objetivos com o canal do Youtube?

André – Adoraria ver ele crescer, o maior objetivo é pegar pelo menos 1000 inscritos até o meu aniversário, e 10000 até o final do ano. Pro futuro se ele gerar alguma renda, iria usar isso pra investir nele mesmo, talvez pegando alguém pra editar, pra tornar o canal melhor. Eu não tenho a pretensão de viver de youtube mas, se um dia eu tiver que escolher entre só trabalhar com o canal ou me desfazer dele, eu iria continuar com o canal, eu me divirto bastante fazendo os vídeos e é uma paixão que tenho, e gostaria de continuar com ele pra sempre.

Project N – Antes de colecionar jogos do Nintendo Switch, você colecionava algo?

André – Eu cheguei a colecionar jogos de 3DS (antes de me desfazer deles pra comprar jogos do Switch). Também colecionei muitos chars no Tibia (Eu era um desses que morria e criava um personagem novo) haha.

Project N – Com sua proximidade com os EUA, você já visitou a loja Nintendo em New York?

André – É engraçado você perguntar isso porque meu irmão mora em Nova Iorque. Físicamente eu estou a uns 500km da fronteira mas, vou muito pros EUA visitar meu irmão e passear também. Eu visitei a loja da Nintendo várias vezes, antes e depois das reformas. Tenho camisetas, pelúcias, e jogos comprados nessa loja.

Project N – Quais seus planos para 2021?

André – Meus planos pessoais são terminar o curso de administração, passar na prova de contabilidade e arrumar um bom emprego. Com o canal, gostaria de chegar a 10000 inscritos, aprender um pouco de edição e continuar trazendo reviews. E assim que acabar a pandemia eu quero voltar com a minha série mais desafiadora, ranqueando todos os meus jogos do Nintendo Switch, essa ai dá trabalho.

Project N – O que você gostaria de falar para nossos leitores, em especial aqueles que não te conhecem e não conhecem o seu conteúdo?

André – Primeiro obrigado por utilizar um pouco do seu tempo para ler a entrevista comigo. Meu canal é focado em reviews, então se procura um canal com assuntos mais críticos estou aqui. Eu raramento faço gameplays (o meu público não gosta então desisti delas). Tenho certeza que você vai conhecer algum jogo novo se ir nas reviews do meu canal, já são mais de 150! E se você já me acompanha vamos pra 2021 com tudo! E queria agradecer a equipe do ProjectN por me dar essa oportunidade de aparecer aqui no meio de tantos outros entrevistados famoso. Um grande abraço e vamos começar 2021 pra cima.

Indico a vocês o vídeo abaixo onde o Andre do canal Switchin Brasil mostra a sua coleção atual

Galera vamos lá no canal Switchin Brasil se inscrever e fazer ele bater a meta de inscritos!

Mais uma vez chegamos ao fim de nossa entrevista, entrevista essa bem produtiva onde abordamos vários temas importantes, quer ver seu youtuber/criador de conteúdo sendo entrevistado? Mande uma mensagem para @prudas no Twitter ou @RafaelPrudas no Instagram, que faremos o máximo para traze-lo e falar um pouco da rotina dele, e não se esqueça de curtir o Instagram do portal @portalprojectn


[A coluna acima reflete a opinião do redator e não do portal Project N]