Ei Nintendista! Já ouviu o último episódio do nosso podcast?
Bladed Fury - Uma Obra de Arte do Folclore Chinês

Bladed Fury – Uma Obra de Arte do Folclore Chinês

Um jogo lindo e cheio de história. Merecido lugar num Museu.

A China é um país imenso e com uma cultura rica em história que trouxe inspiração para a Next Studios, resultando em uma obra-prima. Blade Fury é um jogo de ação 2d side-scrolling que se passa no período que os Estados estavam em guerra no ano 379 antes de Cristo. Nesta época, vários líderes chineses declararam independência, resultando em quatorze Estados, um desses Estados era o estado de Qi que se tornou palco para essa narrativa comovente de uma princesa guerreira de sangue dos deuses ancestrais e filha do Duke Kang que reina o Estado de Qi. A mesma acaba matando seu pai, sendo exilada, sua irmã raptada pelo futuro marido e colocada a prova por vários desafios.

Bladed Fury - Uma Obra de Arte do Folclore Chinês

Você inicia sua jornada de vingança e redenção com a ajuda de espíritos, fantasmas de antigos chefes derrotados, artefatos e uma Espada Lendária passado para os descendentes dos deuses ancestrais. Uma das coisas que mais amei neste jogo foi a história completamente dublada em chinês. Não é uma típica história de vingança que vem com reviravoltas sutis, por exemplo, ela se recusa a acreditar que matou seu próprio pai, mas se for esse o caso, o que ela matou no palácio? Nossa protagonista é bastante jovem e é desenhada como ingênua porque nunca deixou as paredes seguras do castelo.

Bladed Fury - Uma Obra de Arte do Folclore Chinês

As fronteiras entre o certo e o errado geralmente são claramente marcadas tanto nos cut-scenes quanto durante o jogo, estão desaparecendo lentamente conforme você avança na história nem tudo é o que parece ser. As regras de seu pai não era necessariamente melhor do que a de seu usurpador Tian, ela lentamente começa a entender isso durante seu caminhar, seja descobrindo por si mesma ou conversando com outras pessoas, e você também enquanto joga este jogo e inicia o jogo é difícil não ficar impressionado com a arte e a música. Eu me peguei apenas entrando no menu só para ficar ouvindo a trilha sonora e nem tinha começado a jogar ainda.

Bladed Fury - Uma Obra de Arte do Folclore Chinês

O estilo típico da arte chinesa não é algo que eu, vejo com frequência, mas apenas olhar para esses níveis absolutamente deslumbrantes desenhados à mão, cada um deles te submerge completamente no jogo. Blade Fury que te oferece umas imagens de vez em quando e são realmente algo para se ver.  Quando me encontrei lutando atrás dos painéis apenas olhando para as minhas silhuetas, me veio a memória as cenas do filme Kill Bill. Eu sei que ele é construído em um cenário japonês e não chinês, mas ainda assim há o próprio combate que eu teria escolhido para um jogo onde tudo o que era necessário é apenas resolver alguns quebra-cabeças e então atravessar esses níveis magnificamente projetados.

Bladed Fury - Uma Obra de Arte do Folclore Chinês

Blade Fury oferece um sistema de combate interessante e profundo há muito texto que a Ji pode executar como ataques pesados ​​e rápidos, mas o jogo também oferece um contra-ataque bloqueando, esquiva, dupla esquiva e salto duplo, permitindo que você, como jogador, adote um estilo de jogo muito criativo matando o inimigo e encontrar esconderijos de almas. Esses são recompensas por você matar inimigos e valem como pontos que podem ser gastos na atualização de suas habilidades, basicamente, todas as habilidades existentes podem ser atualizadas e novas habilidades podem ser aprendidas, é ótimo ver que essas novas habilidades têm um impacto significativo, bem como a habilidade de pulo duplo que é realmente um salva-vidas.

Bladed Fury - Uma Obra de Arte do Folclore Chinês

Você está enfrentando inimigos regulares que podem ser difíceis o suficiente por si próprios, mas também o negócio real são os chefes. Cada chefe tem sua própria história de fundo e eles não são apenas colocados no final do nível, mas durante o nível seu destino começa a se entrelaçar com o dos chefes até chegar ao ponto em que desafiar a fé não é mais possível. Um grande exemplo disso é um nível onde você experimenta flashbacks e descobre quem foi tão devorada pela dor que ela se transformou em algo assustador apenas para manter seus entes queridos vivos.

Bladed Fury - Uma Obra de Arte do Folclore Chinês

O jogo oferece muitos chefes e cada um vem com sua própria mecânica, eles apresentam ataques diferentes, às vezes até estágios diferentes de luta, e descobrir como derrotá-los pode ser um verdadeiro desafio. Começa de forma simples, com o primeiro chefe aproveitando apenas algumas habilidades, mas depois as lutas de chefes tornam-se muito complexas e sua total atenção é necessária para derrotá-los. Derrotar chefes concede a você acesso a fragmentos de alma que funcionam como poderes especiais durante as lutas, você pode invocar os ancestrais e espíritos que acabou de derrotar para ajudá-lo na batalha.

Bladed Fury - Uma Obra de Arte do Folclore Chinês

O ápice de habilidade incrível é uma bazuca insana, um canhão de laser que não acho que faça muito sentido em termos de história, mas é bom acabar com um chefe com essa coisa. Além de uma história comovente e as lutas incríveis com os chefes, os desenvolvedores colocaram alguns quebra-cabeças, especialmente um em que você tem que coletar várias placas amarelas e verdes para abrir diferentes áreas do nível, foi muito bom.

Bladed Fury - Uma Obra de Arte do Folclore Chinês

Contanto que o enigma exija uma boa quantidade de exploração, descoberta e raciocínio, isso não é algo que basicamente insulta sua inteligência, mas um desafio agradável e não frustrante que você será capaz de resolver usando um ótimo level de design e seu mapa. Bladed Fury é uma história de amadurecimento apresentada na antiga arte e história chinesa. Honestamente, um jogo que literalmente faz tudo certo, adoro a ambiguidade da história, a arte tradicional, a trilha sonora é uma mistura perfeita, principalmente por causa da atenção insana a detalhe que escoa através de cada respiração desta obra-prima.

Bladed Fury - Uma Obra de Arte do Folclore Chinês

Eu joguei no modo fácil e me deparei as vezes vendo algumas partes do mapa vazias. Despois de terminar o jogo eu voltei a jogar no modo mais difícil, aí eu vi que o jogo não era tão vazio assim. A jogabilidade polida desse jogo me trouxe a mente um pouco do gênero “Metroidvânia”. Tendo um fator de diversão muito boa. Eu vou voltar a jogar esse jogo outras vezes para desbloquear outros lugares que deixei para trás.

Recomendo pegar esse jogo agora. Está com um preço muito bom e você vai ter horas de jogo nas suas mãos.

9.8 / 10 Nota Final
Prós
- Arte e visuais lindos
- Trilha sonora maravilhosa
- Jogabilidade perfeita
Contras
- Depois que você pega o padrão de ataque dos chefes, o jogo fica muito fácil
- Não tem português PT/BR
- Picos de dificuldade
Resumo
É a mistura perfeita de Arte e Vídeo Game.
Design
Trilha Sonora
Diversão
Gameplay
Custo x Benefício

[Nota do Editor: Bladed Fury foi analisado a partir da sua versão para Nintendo Switch. A cópia do jogo foi gentilmente cedida pela Team Critical Hit para avaliação.]


[A coluna acima reflete a opinião do redator e não do portal Project N]