Ei Nintendista! Já ouviu o último episódio do nosso podcast?

Steam Deck: conheça o videogame portátil anunciado pela Valve

Steam Deck: conheça o videogame portátil anunciado pela Valve

Há muito tempo já especulado, a Valve acaba de anunciar seu console portátil de videogame: Steam Deck. Parecido com o Nintendo Switch, o aparelho será lançado em dezembro por preço oficial inicial de US$399,99 e modelos de US$529,00 e US$649,00 e acesso exclusivo a biblioteca de jogos Steam.

De acordo com a Valve, o dispositivo Steam Deck tem um APU AMD com CPU Zen 2 quad-core de oito threads e gráficos AMD RDNA 2, junto com 16GB de RAM LPDDR5. Existem três tipos diferentes de armazenamento: armazenamento eMMC de 64 GB, armazenamento SSD NVMe de 256 GB e 512 GB de armazenamento SSD NVME de alta velocidade que pode ser expandido com um cartão microSD de alta velocidade disponível.

Steam Deck: conheça o videogame portátil anunciado pela Valve

O Steam Deck possui um grande número de opções de controle: dois analógicos, dois pequenos trackpads abaixo dos analógicos, botões ABXY, um D-pad, dois gatilhos de ombro, quatro botões traseiros e uma tela sensível ao toque de 7 polegadas, do mesmo tamanho do novo Nintendo Switch modelo OLED.

O dispositivo roda o que a Valve está chamando de “uma nova versão do SteamOS“, o sistema operacilnal da Valve otimizada para o formato móvel do portátil, baseado no Linux mas com uma camada de compatibilidade permitir jogos baseados no Windows de rodar no aparelho, sem necessidade de port específico para o sistema. O que deixará o dispositivo funcionando praticamente como um computador completo, podendo ainda, dependendo do seu nível técnico, de instalar softwares de PC e usar ferramentas normais, streaming, web, etc.

A Valve ainda afirma que recursos do Steam Deck são projetados para emular o aplicativo Steam normal no desktop, completo com bate-papo, notificações, suporte para salvar na nuvem e todas as suas bibliotecas, coleções e favoritos, todos mantidos em sincronia.

Neto Verneque
O corpo do Mario. A sociabilidade do Link. A fome do Kirby. E tão vencedor na vida quanto o Ash Ketchum.