fbpx

The Bullet: Time of Revenge – Jogo lançado na eShop causa revolta dos nintendistas

No final da semana passada, um “novo” jogo de tiro chamado The Bullet: Time of Revenge apareceu na eShop do Nintendo Switch. Diferentemente da maioria dos jogos, sua descrição oficial da eShop é surpreendentemente breve:

Torne-se uma bala – elimine pessoas más usando muitos tipos de armas, explorando recursos como dirigir carros ou tanques, helicópteros voando ou um avião a jato. Existem muitas conquistas e desbloqueáveis ​​que ajudarão a espalhar o caos na cidade.

Apesar de parecer um lançamento barato e alegre, The Bullet: Time of Revenge vem deixando muitos nintendistas bravos desde o lançamento. 

Acontece que este novo lançamento é o que chamamos de troca de ativos, pelo qual um desenvolvedor pode comprar legalmente um pacote de ativos pré-fabricado, não fazer nada para mudá-lo, a não ser dar-lhe um novo título e lançá-lo para obter lucro.

Essa prática já ocorre tem muitos anos, alguns anos atrás o desenvolvedor RCMADIAX publicou diversos jogos simplesmente mudando as telas de título dos kits de criação de jogos e vendendo-os na eShop do Wii U.

Nesse caso, o pacote de ativos em questão é conhecido como Hammer 2 Reloaded, e qualquer pessoa pode comprar o jogo completo e seus ativos por US $ 50. A idéia é que os desenvolvedores iniciantes de desenvolvimento de jogos possam comprar isso para ter um ponto de partida e aprender como personalizar um mundo já construído para criar seu próprio jogo. Nesse caso, parece que os desenvolvedores simplesmente compraram o pacote e fizeram o upload do jogo como se fosse o seu. Aqui está a aparência do Hammer 2 e do The Bullet: Time of Revenge:

Surpreendentemente, essa não é a primeira vez que isso acontece; houve inúmeros casos no passado em que os desenvolvedores compraram o pacote de ativos Hammer 2 e o lançaram com um novo nome, geralmente no Steam. Graças aos acordos de licenciamento encontrados nessas compras de pacotes de ativos, fazer isso é realmente legal, mas nunca cai bem com os jogadores, como seria de esperar. Ver esse lançamento passar pela equipe de controle de qualidade da Nintendo é triste, para dizer o mínimo. O jogo atualmente se encontra disponível na eShop custando um preço promocional de €3,99.

O jogo foi comentado pelo YouTuber Jim Sterling e, desde então, os fãs da Nintendo vêm expondo suas frustrações. Aqui estão alguns comentários selecionados que encontramos:

O eShop está realmente perto de se tornar um clone do Steam, não é? Não é de admirar que a Nintendo tenha abandonado seu selo de qualidade há muito tempo.

A Nintendo apenas “ligou” o “interruptor” no controle de qualidade, iluminando-o de verde quando deveria estar aceso o de gás.


São muito os comentários de fãs insatisfeitos com os jogos da eShop, muitos acusam a Nintendo de negligência e apontam falta de qualidade da maioria dos títulos. Você acha que lançamentos como esse devem aparecer no Switch? Você prefere que a Nintendo eShop faça uma seleção identificando originalidade dos jogos, ou todos e quaisquer jogos devem estar disponíveis? 

Compartilhe seus pensamentos nos comentários abaixo.

O que você achou?
+1
0
+1
0
+1
0
+1
0
+1
0
+1
0
+1
0
Fonte Nintendo Life
Você pode gostar também
Comentários
Carregando...