Hogwarts Legacy - Usando Revelio para uma boa aventura em Hogwarts

Hogwarts Legacy – Usando Revelio para uma boa aventura em Hogwarts

O discurso em torno de sua existência, e a moralidade de até mesmo cobrir o jogo no site, por decorrência das falas preconceituosas da autora deste universo, eram grandes, mas no final das contas, Hogwarts Legacy é um belo jogo de mundo aberto, competente, que permitiu a qualquer fã de Harry Potter viver a fanfic dos seus sonhos de fazer parte de uma casa em uma história própria.

Hogwarts Legacy no Switch oferece apenas um único modo de desempenho, com poucas opções para escolher. Este é um passo atrás em relação outras versões já que possui desfoque de movimento, granulação de filme e até mesmo uma alternância de taxa de quadros desbloqueada. Ou mesmo a versão de PC, que possui um mundo aberto ilimitado.

Hogwarts Legacy - Usando Revelio para uma boa aventura em Hogwarts

Digo mundo aberto ilimitado, pois comparando as duas mídias com as quais joguei, PC e Switch, no console da Nintendo as telas de loading cresceram e o mundo aberto existe em áreas em que você bate numa parede, e vem o loading. Mas estamos falando aqui de um jogo de nova geração, que foi adaptado para ser portado ao Nintendo Switch.

O jogo começa com nosso personagem entrando em Hogwarts alguns anos já avançado, e ele é capaz de enxergar um tipo de magia ancestral, e isso o ajuda a descobrir diversas coisas do mundo mágico. O game nos permite fazer uma grande gama de personalização desde a aparência facial quanto roupas, e no jogo conseguimos coletar diversas novas vestimentas que nos concedem ataque e defesa, ainda podendo mudar a aparência sem perder o status ganhado.

HISTÓRIA

No jogo descobrimos que podemos enxergar um tipo de magia diferente, chamado de magia ancestral, e podemos usar ela até em combate. Ela é útil para resolver os mistérios de Hogwarts e do mundo mágico. Mesmo se tratando de uma história que ocorre em 1890, muito antes da chegada de Potter, vários elementos da trama original estão ali: um inimigo comum ao mundo bruxo, a coragem de um jovem que precisa decidir o destino da comunidade e todo o processo de descoberta da escola de Hogwarts, além da trilha sonora emocionante e outros componentes familiares.

Melhor ainda, porém, é o próprio mundo, que contém quase tudo que eu queria em um jogo de Harry Potter e muito mais. Você se verá explorando os corredores de pedras e passagens secretas de Hogwarts, voando pela Floresta Proibida em uma vassoura e explorando cavernas escuras iluminadas apenas pelo brilho do seu feitiço Lumos.

Hogwarts Legacy - Usando Revelio para uma boa aventura em Hogwarts

GAMEPLAY

Embora o sistema de combate nunca deixe de ser divertido, as criaturas que você enfrenta logo ficam sem truques na manga. Você verá muitas vezes os mesmos rostos familiares, pois passa uma enorme quantidade de tempo lutando contra bruxos das trevas, aranhas e goblins. De vez em quando, eles apresentam o mesmo inimigo troll repetido ou uma armadura mágica indefinida também. Os inimigos que o jogo lança em você se esgotam rapidamente.

É uma pena, já que o universo Harry Potter é conhecido por ter todos os tipos de feras e vilões para enfrentar, mas aqui praticamente não há variedade. Há muito mais do que atirar bolas de luz com um bastão! Em vez disso, o truque está em evitar e combater os ataques inimigos enquanto realiza combos criativos. Por exemplo, você pode atrair inimigos em sua direção com Accio, incendiá-los com Incendio de curto alcance e depois explodi-los com o feitiço explosivo Bombarda.

Também ajuda o fato de você ser frequentemente recompensado de forma adequada por seus esforços, seja ganhando algum equipamento para melhorar suas estatísticas, itens cosméticos para melhorar seu estilo ou o melhor de tudo: novos feitiços, a cenoura definitiva em um jogo onde você é frequentemente limitado apenas pela magia que você sabe lançar. Por exemplo, uma missão secundária oferece o feitiço Alohomora, que permite literalmente destrancar portas e entrar em lugares anteriormente inacessíveis para você.

Coletar feitiços ajuda muito a abrir o mapa e fornecer a você um conjunto melhor de truques durante o combate, e eu me vi positivamente ansioso por isso, porque a cada feitiço era um local que eu podia voltar e abrir, ou uma batalha que agora eu podia vencer, sei que não tem nada a ver, mas me lembrava o estilo Castlevania, em que podia em todo lugar, mas tinha itens que desbloqueava passagens, contudo em Hogwarts o desbloqueáveis são baús ou salas/quartos.

Hogwarts Legacy - Usando Revelio para uma boa aventura em Hogwarts
Hogwarts Legacy - Usando Revelio para uma boa aventura em Hogwarts

No entanto, se você é um colecionador de saques como eu e esperava reunir todos os tesouros do mundo e jogá-los em um armário como quando estou em No Man’s Sky, você ficará dolorosamente desapontado com o abismal espaço de inventário do Legacy, que só permite que você segure algumas dúzias de itens e se encha de forma irritante em pouco tempo. Mais tarde, você pode atualizar seu inventário um pouco, mas mesmo assim nunca deixa de ser uma grande dor de cabeça.

VISUAIS

Basicamente, todos os aspectos de qualidade de imagem em Hogwarts Legacy receberam reduções em relação às versões da geração passada, iluminação, sombras, texturas, qualidade de geometria, distância de desenho e mais, além da própria resolução. Ainda mais, a resolução do jogo no Switch no modo dock é de 720p, mas pode cair para até 540p em alguns momentos mais intensos.

Apesar de todos esses cortes em qualidade de imagem, o Nintendo Switch não consegue entregar uma experiência completamente estável em relação a sua versão de PC que joguei. Por mim o jogo pode ser, sim, aproveitado no Nintendo Switch por alguns, especialmente para quem não conta com outra plataforma com uma versão melhor, ou como eu, não se importa com gráfico de jogo! Jogo bom, não precisa ter os pelos da cara do boneco na tela em alta resolução não.

Por fim o título pode ser interessante para usuários que estão começando a jogar videogame agora. Pois ele apresenta narrativa divertida e fantástica, com mecânicas fáceis de entender, boas para quem está em busca de uma jornada acessível com o tempo.

Hogwarts Legacy - Usando Revelio para uma boa aventura em Hogwarts
Hogwarts Legacy
Veredito
Apesar dos tropeços, dos porém, Hogwarts Legacy trouxe para mim a fantasia de viver o mundo da magia de uma forma inevitavelmente incrível, joguei tanto a versão de PC, pois não suportaria esperar tanto, mas como também a de Nintendo Switch, pois queria jogar na tela do meu hibrido favorito, e só posso dizer que para fãs o jogo faz o almoço e para por ai. Ele se dá o que ele queria entregar, uma aventura no mundo de Harry Potter, nova, acessível as pessoas. Não se deixe enganar pelas limitações do Nintendo Switch para o jogo, ele continua magico do mesmo jeito, visualmente os mais exigentes podem se incomodar, contudo em relação a gameplay, ele esta jogável em todos os sentidos.
Design
75
Trilha Sonora
85
Diversão
95
Gameplay
90
Custo x Benefício
75
Prós
Uma aventura bem feita e divertidissima.
Trilha envolvente.
Contras
Limitações de mundo em comparação ao outras versões.
Unica opção de desempenho.
La para o final, inimigos repetitivos.
84
Nota Final


[A coluna acima reflete a opinião do redator e não do portal Project N]

Olá me chamo Emanuel ou só "Nuel", sou Game Designer e nasci na cidade mais quente do Brasil, tento de tudo para ficar longe e relaxar em jogo competitivo, mas meus favoritos sempre são os jogos de farming e narrativa/ação.