Manic Mechanics - Agora eu virei mecânico

Manic Mechanics – Agora eu virei mecânico

Eu amo jogos no estilo de Overcooked! Eles são ótimos para jogar com os amigos, se divertindo gritando com a família por não conseguir fazer um simples trabalho cooperativo. Esse ano consegui fazer a review de PlateUp, que possui uma mesma premissa. Já em Manic Mechanics, da publisher e desenvolvedora 4J Studios, o jogo não é sobre cozinhar, e sim como o nome implica, em consertar carros, caminhões, submarinos e até naves alienígenas.

Manic Mechanics - Agora eu virei mecânico

De início, você pode pensar que Manic Mechanics não é nada que talvez seja inovador. O jogo cooperativo te junta com até 4 amigos e te envia para garagens com layouts únicos, cada uma contendo cinco níveis com objetivos diferentes. O conceito em Manic Mechanics é bastante simples. Você pega peças de automóveis, como motores, rodas e portas, de uma esteira transportadora, conserta-as usando ferramentas mecânicas e cola-as em um carro.

Embora as coisas comecem bem mornas, depois de completar algumas missões, Manic Mechanics ajusta o fator de desafio e oferece uma jogabilidade seriamente envolvente. O que agradeço muito aos céus, pois meus amigos adoraram. Já havíamos abusado tanto de Overcooked!, então algo diferente, até mesmo sobre itens diferentes foi uma boa novidade.

O jogo possui um modo multiplayer, um online e um sem fio, e você se move entre missões por meio de um mapa com pequenos biomas onde você dirigi por eles. Esses pequenos locais são lindos graficamente e contém cinco níveis, todos cheios de personalidade, o que me fez amar mais ainda o jogo. Os personagens tem um jeito caricato, um pouco infantil, o que não acho ruim, afinal para mim jogo bom, não precisa ter estilo realista ou gráficos do próximo século.

Manic Mechanics - Agora eu virei mecânico

Ainda assim, o verdadeiro teste de Manic Mechanics é como ele se sente no modo cooperativo, e é ótimo. Graças a um sistema de três estrelas, você pode passar de nível com apenas uma estrela enquanto ainda aprende a mecânica antes de voltar para obter a nota máxima, e a curva de dificuldade faz com que sempre haja algo novo. Recolha rapidamente as peças do carro em uma correia transportadora em movimento, fixe-as na máquina certa e instale-as antes que o tempo acabe. No início é mais difícil atingir três “engrenagens” sozinho, até porque quando estamos consertando há uma barra de acerto, que temos que apertar na hora certa para consertar mais rápido ou bater com muita força na peça.

Cada variação dos reparos tem um minijogo de pressionar botões ligeiramente diferente, que são bastante simples, mas sob a pressão de um relógio que passa, o caos começa a crescer. Com apenas alguns níveis, os jogadores receberão vários carros para trabalhar, com uma série de perigos tornando os níveis tornando seu local de trabalho um desastre rápido. Coletar engrenagens ajudará a abrir novas áreas e novas garagens, portanto, garantir que você complete um nível da melhor maneira possível é importante para coletar engrenagens. Alguns níveis virão com riscos adicionais, incluindo níveis cheios de lava, invasões alienígenas ocasionais e eletrificação periódica.

Manic Mechanics - Agora eu virei mecânico
Manic Mechanics - Agora eu virei mecânico

No entanto, assim que você pensa que já está tudo pronto, Manic Mechanics lança mais um obstáculo em seu caminho. Há óleo de motor escorregadio, batedores explodindo e vacas em debandada que podem atormentar seu espaço de trabalho. Felizmente, para mim, que tenho dificuldade com cores e até silhuetas de objetos quando estou sem óculos, em uma tela pequena ou distante, o jogo possui um shape e o conceito que se salva, você sabe qual mesa é o que e sabe levar qual peça a gente deve usar naquela bancada.

Embora Manic Mechanics seja divertido quando você joga sozinho, ele realmente brilha quando você faz parte de uma equipe. O jogo se mostra mais promissor ao jogar com amigos, onde é ossível avançar mais rápido. Embora este seja sem dúvida um bom jogo solo para passar o tempo se você estiver perdido, eu recomendo reunir uma equipe sólida antes de mergulhar nessa bagunça.

Meu cérebro com TDAH adorou cada segundo completando as tarefas caóticas que Manic Mechanics oferecia. Ficar hiper fixado em várias tarefas ao mesmo tempo é uma coisa que eu realmente gosto, principalmente porque se tornou um estimulador de serotonina e adrenalina bem fácil para mim. Fazendo meu cérebro lotar de informações só usando aquele jogo, coisa que eu tenho como hábito, de fazer duas coisas ao mesmo tempo para não alimentar sintomas do TDAH. O jogo tem um pouco de acessibilidade, com a opção de adicionar legendas e alterar seu tamanho, além de selecionar mais tempo para cada solicitação para que os jogadores possam levar mais tempo para resolver seus pepinos.

CONCLUSÃO

Se você se interessa por jogos cooperativos para jogar com os amigos, que não tratem de pisar em uma cozinha, e busque algo que te desafie, tem uma boa colorização, este jogo pode te deixar surpreso. O jogo fará com que você se concentre em trabalhar em conjunto em um ambiente sob pressão, recompensando os jogadores dando-os a oportunidade de terminar os veículos rapidamente.

Manic Mechanics - Agora eu virei mecânico
Manic Mechanics
Veredito
Um jogo carismático que se destaca entre outros do seu gênero, convidativo e bastante re-jogável, principalmente em companhia. Você pode se encantar com seu carisma, usando seus propulsores para conseguir completar seus carros mais rapidamente e explorando seus níveis.
Design
100
Trilha Sonora
80
Diversão
90
Gameplay
90
Custo x Benefício
85
Prós
diversção garantida
Contras
dificuldade em jogar solo
89
Nota Final

[Nota do Editor: Manic Mechanics foi analisado a partir da sua versão para Nintendo Switch. A cópia do jogo foi gentilmente cedida pela Sandbox Strategies para avaliação.]


[A coluna acima reflete a opinião do redator e não do portal Project N]

Olá me chamo Emanuel ou só "Nuel", sou Game Designer e nasci na cidade mais quente do Brasil, tento de tudo para ficar longe e relaxar em jogo competitivo, mas meus favoritos sempre são os jogos de farming e narrativa/ação.