Ei Nintendista! Já ouviu o último episódio do nosso podcast?
Pikmin Bloom: Como este novo jogo ajuda a expandir a franquia (e quais suas limitações)

Pikmin Bloom: Como este novo jogo ajuda a expandir a franquia (e quais suas limitações)

A Niantic já é bem conhecida pelos seus jogos que usam a geolocalização do jogador e realidade aumentada nos dispositivos móveis. Apesar de já ter desenvolvido alguns jogos e aplicativos anteriormente, a empresa ganhou ainda mais notoriedade após o lançamento Pokémon Go em 2016.

Em março de 2021 a Nintendo anunciou mais uma parceria com a Niantic para trazer outra franquia sua para os dispositivos móveis, também utilizando o sistema de GPS e realidade aumentada, Pikmin. De março até outubro existiam alguns rumores com relação ao aplicativo, mas a Niantic decidiu lançar o jogo de surpresa, chamado de Pikmin Bloom, no último dia 26 de outubro.

Hoje eu gostaria de dar uma visão geral sobre o jogo, e falar não só em como eu acredito que Pikmin Bloom ajuda a expandir a franquia, mas também quais são as suas limitações. Vamos nessa?

Pikmin Bloom

Sobre Pikmin

Os Pikmin são pequenas plantas animais interplanetárias que fizeram a sua primeira aparição em seu jogo de estratégia lançado para o GameCube em 2001. De lá pra cá, Pikmin ganhou diversos fãs e apreciadores da franquia no mundo inteiro, ganhando uma continuação em 2004, também para o GameCube, e mais um terceiro jogo da franquia tendo saído em 2013 para o Wii U. Atualmente é possível jogar Pikmin 3 Deluxe no Nintendo Switch.

A Nintendo continua buscando expandir a franquia. Em 2015 ela anunciou que o 4º jogo da franquia estava em desenvolvimento, apesar da última notícia sobre o jogo ter saído em 2017. Neste mesmo ano lançou Hey! Pikmin para o Nintendo 3DS.

Com o lançamento de Pikmin Bloom e o desejo da Nintendo de levar a franquia para mais jogadores, é esperado que novidades sobre o 4º jogo principal da franquia sejam compartilhadas pela empresa em breve.

A premissa de Pikmin Bloom e como ele pode ajudar a expandir a franquia para novos jogadores

O ponto principal de Pikmin Bloom é ir para as ruas, explorar a cidade, encontrar novos Pikmin e, principalmente, semear flores, seja sozinho ou com amigos! Você também pode adicionar amigos e enviar cartões-postais para eles! Existem algumas similaridades com Pokémon Go, claro, mas é uma experiência completamente diferente, isso eu posso afirmar.

Novos Pikmin podem ser adquiridos encontrando seus “jarros” pela cidade, você deve plantar o jarro e andar os passos necessários para colher seu novo Pikmin, até o momento existem os jarros normais, que precisam de 2 mil passos, e os especiais, que precisam de 10 mil passos e trazem Pikmins especiais, como no exemplo abaixo. Para subir de nível é preciso cumprir tarefas específicas, incluindo um número de passos total, ou seja, andar é vital para progredir em Pikmin Bloom!

No lugar onde os ginásios de Pokémon Go estão localizados é possível encontrar enormes brotos, que para desabrochar precisa que os jogadores plantem flores ao seu redor, ganhando algumas recompensas quando o número de flores exigido é atingido. 

Pikmin Bloom: Como este novo jogo ajuda a expandir a franquia (e quais suas limitações)

É possível montar uma equipe de Pikmins que andarão com você pela cidade, mas você pode ter um número determinado de Pikmins disponíveis para expedições, onde você envia um grupo de Pikmins para coletar itens próximos do jogador. Ao passear com os Pikmin, enviar para expedições e alimentá-los, você cria um vínculo de amizade com eles, ao atingir 4 corações o Pikmin vai buscar um presente, e vira um Pikmin personalizado!

Por ser lançamento, o jogo ainda tem diversas limitações do que você pode fazer e de coisas que você pode adquirir. O primeiro evento de Dia da Comunidade acontece no dia 13 de novembro e é esperado que novos recursos e missões sejam adicionados com o tempo.

Pikmin Bloom ajuda a levar esta franquia da Nintendo para todo o globo, até o momento que estou escrevendo este artigo, o jogo já conta com mais de 1 milhão de instalações apenas no Android (também foi lançado para iOS), com cerca de duas semanas de lançamento. Como é um jogo em que alguns recursos precisam que mais de uma pessoa participe, existe um bom potencial de boca-a-boca, fazendo com que não só pessoas que já conhecem a franquia tragam novos jogadores para experimentar essa experiência Pikmin, mas também pessoas que nunca tiveram contato com ela também sejam potenciais propagadores.

Falando sobre suas limitações

Pikmin é uma franquia bastante querida pelos jogadores da Nintendo, e apesar de não ter vendas exorbitantes como outras franquias da Nintendo, ela consegue atingir diversos jogadores. Seu último relançamento, Pikmin 3 Deluxe para o Switch, atingiu a maior quantidade de vendas para um jogo da franquia, com mais de 2 milhões de unidades vendidas até hoje. O Nintendo Switch parece estar conseguindo atingir bem diversos públicos, inclusive com os relançamentos, mas quais as limitações de Pikmin Bloom para conquistar ainda mais jogadores?

Primeiramente é importante lembrar que ainda estamos em uma pandemia, e certamente esse tipo de jogo sofreu diversos impactos, apesar de diversos países estarem “voltando ao normal”, ainda existem diversas cautelas e a situação da pandemia muda de país para país.

Pikmin Bloom: Como este novo jogo ajuda a expandir a franquia (e quais suas limitações)

Além disso, o jogo esbarra em outro problema: Fora das grandes cidades se torna muito difícil encontrar outros jogadores envolvidos com o jogo. Por exemplo, minha cidade tem 300 mil habitantes e eu não consegui encontrar ninguém que também esteja jogando Pikmin Bloom. Acredito que esse problema seja bem menor em capitais. 

É importante lembrar que Pokémon já possuía um apelo gigantesco quando o Pokémon Go foi lançado, já o caso de Pikmin Bloom é muito diferente, uma vez que o nome da franquia nem se compara ao de Pokémon. Portanto será preciso que a Niantic invista em novas formas diferentes de interagir com os Pikmin e também novas atividades, para que o jogo se mantenha ativo e, claro, rentável. Recentemente a Niantic anunciou que estará encerrando as atividades de Harry Potter: Wizzard Unite, jogo que segue a mesma premissa de Pokémon Go e Pikmin Bloom e que foi lançado em junho de 2019. Bem, sabemos o quão grande a franquia Harry Potter é, então é torcer para que Pikmin Bloom não siga o mesmo caminho e tenha uma vida mais longa.

Para finalizar, torço muito pelo sucesso de Pikmin Bloom. Esta é uma franquia na qual nunca havia jogado nada antes, e me abriu a janela da curiosidade para os jogos principais da franquia. Nessas duas últimas semanas consegui tirar bastante proveito do jogo, alinhando meus exercícios de caminhada com os recursos oferecidos atualmente e já estou ansioso por novas atualizações!

E você, já conhecia a franquia e também está jogando Pikmin Bloom? Deixe seu comentário aqui!


[A coluna acima reflete a opinião do redator e não do portal Project N]

Ítalo Guttemberg
Pernambucano arretado, publicitário e adoro jogos de aventura e RPGs no geral! Atualmente rejogando Breath of The Wild e descobrindo pela primeira vez a maravilha que é Octopath Traveler.