Ei Nintendista! Já ouviu o último episódio do nosso podcast?

Mario Party Superstars é para você?

Mario Party Superstars é para você?

Olá meus caros amigos indecisos sobre Mario Party Superstars! Hoje preparamos para você um guia básico do jogo, para vocês saberem o que esperar dele, o que tem nele e o mais importante: se é um jogo para você.

O objetivo aqui é tirar dúvidas, esclarecer coisas, então vamos lá!

1- PROPOSTA

Aqui dividiremos em dois conteúdos, primeiro pra quem não sabe nada sobre a série, e depois qual o diferencial do Superstars em si.

Primeiramente, Mario Party é uma série de jogos party, ou seja, focado em multiplayer, MUITO PREFERENCIALMENTE, de sofá, ou seja, todo mundo na mesma casa, embora atualmente partidas online sejam também permitidas. Sua proposta básica é criar uma espécie de boardgame do Mario, um jogo de tabuleiro, como, por exemplo, Banco Imobiliário.

O jogo tem tabuleiros, movimentação dos personagens por turnos e baseado em dados (joga um dado, tirou 5, anda 5 casas), casas especiais como casa de azar, casa da sorte, casa da moeda, etc. 

Mas um dos pontos mais fortes do jogo é que ao final de cada rodada, rola um minigame, uma disputa entre os jogadores, e esses minigames dão mais moedas de acordo com a posição, primeiro lugar 10 moedas, segundo 5, terceiro 3, último 0. Esses minigames são EX-TRE-MA-MEN-TE divertidos, é parte do motivo pelo qual Mario Party é tão famoso e querido, tipo 40% pelos minigames, 40% pelos tabuleiros, e 20% de outros motivos.

E bom, o objetivo do jogo: 4 jogadores disputam para ver quem consegue mais estrelas, e ao final de um número de rodadas que os jogadores decidem, o que tiver mais, ganha. Essas estrelas são, principalmente, compradas (daí a importância de se vencer nos minigames), mas podem ser também roubadas (principal motivo de divórcio nos casais gamers), adquiridas com sorte no tabuleiro (o que é raro, mas pode acontecer), ou mesmo adquiridas com conquistas aleatórias ao final do jogo, então por exemplo, “o jogador que ficou em segundo lugar mais vezes”, “o jogador que andou mais casas”, esse tipo de coisa. Esse último grupo é aleatório, o que já leva à um comentário importante:

Mario Party é um jogo casual, que envolve sorte, então ele é pra você caso goste de jogos simples para se divertir, juntando você, sua irmã super viciada em jogos, e seu primo que praticamente nunca jogou videogame na vida, essas 3 pessoas tão distintas vão jogar juntas e se divertir independente da experiência com games de cada um.

E ao mesmo tempo, se você é competidor, prefere jogos que são decididos somente pela habilidade, reflexo, etc. Não que você não vá gostar, mas saiba que, se você é a irmã viciada do exemplo, pode acontecer de você perder para o primo noob.

Deu pra entender o que é a série? Agora falemos desse título em específico:

Superstars é tipo aqueles CDs “The Best of…”. Uma coletânea! Ele pega tabuleiros e minigames antigos, e atualiza seus gráficos, jogabilidade, além de incluir novos meios de jogar esse conteúdo antigo, como por exemplo, jogar online, ou modos diversos somente para os minigames.

Então ele é bom pzra quem é saudosista com os primeiros Mario Party, ou simplesmente pra quem acha que os tabuleiros e minigames antigos eram melhores.

Não dá pra chamar de remake, mas se já jogou os antigos, não vai ter novidade aqui, primeiro porquê ele mistura o conteúdo desses jogos, e, novamente, ele atualiza o conteúdo antigo e insere novos meios de se jogar esse conteúdo antigo.

Outras características únicas eu vou comentar quando fizer um comparativo com o outro título da série disponível pro Nintendo Switch, o Super Mario Party. Vamos agora falar do conteúdo do jogo:

2- CONTEÚDO

  • Apesar do FOCO ser o multiplayer, tudo no jogo pode ser jogado por apenas um jogador enfrentando 3 CPUs, OK? Então se você não tem 3 pessoas pra jogar junto, ou se não quer depender de pessoas pra aproveitar o game, pode jogar sozinho sim. Mas não é a mesma coisa.
  • São 5 tabuleiros, rankeados em 5 dificuldades. O primeiro é mais fácil de entender, tem menos eventos inesperados, precisa tomar menos cuidado, etc, e o último, é o, entre aspas, “mais difícil”.
    • Cinco é um número OK, talvez venha mais por atualização, ou DLC, mas não tem garantia disso, o “Super Mario Party” não teve DLC, então não dá para confiar a compra do jogo nessa possibilidade.
  • O número de minigames está bem generoso, são 100! É tanto minijogo, que eu arrisco dizer que se você não curte muito a parte de tabuleiro, dá para se divertir só com os modos que usam apenas os minigames. Isso porquê existe uma seção própria para eles, a “Montanha de Minijogos”, e lá você escolhe entre 7 modos de jogo só de minigames, como por exemplo:
    • Jogo livre : Onde os jogadores vão selecionando os minigames livremente, e o placar vai se formando, mostrando quem ganhou cada um deles, assim, dá pra competir só aqui. Esse modo ainda te faz o favor de classificar em categorias como: Todos contra todos, 3×1, 2×2, 1×1, entre outras classificações.
    • Desafio Por Moedas, então quem tiver mais moedas ganha.
    • Alguns modos focados em um jogador, o “Sobrevivência” que um player desafio outros online, e também o “Desafio Diário” onde eles fazem uma seleção específica de minigames para serem disputados online, como, por exemplo, “pacote do espaço sideral”.
  • Em qualquer modo que você jogue, online, offline, etc, qualquer coisa que você faz nesse jogo, você sobe de nível e ganha moedas. Conforme sobe de nível, desbloqueia itens e compra esses itens com as moedas, isso garante o fator replay e é uma meta para quem for jogar singleplayer. Você desbloqueia músicas, decoração para o seu cartão online de perfil, informações sobre personagens, enfim, tem bastante coisa pra desbloquear.

Eu estou na dúvida entre esse e o outro que tem no Switch”, ou, “Mas eu já tenho o Super Mario Party, o que tem de diferente nesse?”. Vamos lá:

3- VS SUPER MARIO PARTY

Mario Party Superstars é praticamente a antítese, o oposto de Super Mario Party.

Super Mario PartyMario Party Superstars
NovidadeTradição

Um aposta em minigames e tabuleiros totalmente inéditos, o outro, como eu falei, é uma coletânea.

Super Mario PartyMario Party Superstars
Controles com funcionalidadesControles tradicionais

Os minigames do Super, tem sensor de movimento, tem minigames que se baseiam em chacoalhar, em sentir a vibração dos Joy-Con’s, entre outras funcionalidades que fazem o jogo EXIGIR que sejam jogados somente com Joy-Con’s. Já o Superstars, pode ser jogado com Pro Controller, ou outro controle qualquer, pois ele usa só botões mesmo. Então se você tem um Switch Lite, é BEM mais recomendado o Superstars.

Super Mario PartyMario Party Superstars
Modos de jogo inéditos Alto aproveitamento dos minigames

Super tem modos de jogo que nenhum Mario Party tem, ele tem um modo rítmico, e um modo cooperativo onde todos precisam remar juntos e resolver minigames juntos. Já o Superstar é só minigame e tabuleiro, mas ele tem mais opções para curtir os minigames, e tem mais tabuleiros.

Super Mario PartyMario Party Superstars
OfflineOnline

Super tem opções online, mas foi adicionado depois, o jogo não foi pensado para ser jogado online, e mesmo hoje, Superstars dá um banho nele, pois tem muito mais modos de jogo, inclusive para jogar contra aleatórios, isso no Super é bem limitado.

4- CONCLUSÃO – Tabelinha de prós e contras

Agora, pra encerrar, um resumo listando tudo que pode se encaixar com o seu perfil de jogador, ou não se encaixar, fazendo com que o jogo, de fato, seja para você, ou não.

Mario Party Superstars É para você, caso você:

  • Queira uma diversão casual.
  • Goste de jogos de tabuleiro.
  • Prefira os Mario Party’s antigos.
  • Prefira jogar só com botões, sem gimmicks tipo, chacoalhar controles.
  • Prefere que o jogo foque só nos tabuleiros e minigames mesmo.
  • Tem companhia para jogar online.
  • Tem companhia para jogar presencialmente.
  • Quer opções singleplayer, mesmo não sendo o foco.
  • Tem um Switch Lite.
  • Goste de ter um jogo para jogar de vez em quando ao longo dos anos.

E, agora, Mario Party Superstars NÃO é para você, caso você:

  • Prefira jogos que dependem somente de habilidade/reflexo/experiência, etc…
  • Goste de party games que usam gimmicks de controle, como sensor de movimento.
  • Queira modos de jogo diferenciados além de só minigames e o tradicional tabuleiro.
  • Quer jogar somente em singleplayer, nem tem controle extra em casa ou nem tem amigos que compraram esse jogo.
  • É do tipo de pessoa que compra físico, termina o jogo e revende, e faz esse ciclo o mais rápido possível.

Esperamos ter ajudado e que tenham gostado dessa outra forma de cobrir um lançamento. Esta não é uma review, não estamos colocando nada muito opinativo, nem dando nota, ou coisa do tipo. Mas achamos que para Mario Party algo assim é até melhor que o formato de textos argumentativos.