Ei Nintendista! Já ouviu o último episódio do nosso podcast?

Brasil: 2021 tem crescimento de 10% em jogadores de eSports em relação à 2020

Brasil: 2021 tem crescimento de 10% em jogadores de eSports em relação à 2020

A Pesquisa Game Brasil 2021 (PGB 2021) realiza um levantamento anual para entender o cenário de consumo de jogos digitais e eSports em território nacional e este ano o relatório trouxe algumas alterações importantes nesse cenário brasileiro. Os indicadores apontam uma a escalada do reconhecimento em torno desta modalidade nos últimos 4 anos, e em relação ao ano anterior houve um aumento de 10,7 pontos percentuais do público praticante de eSports. Os gamers que conhecem e praticam a modalidade saltou de 44,7% para 55,4% e um dos principais fatores para este crescimento foi, sem dúvidas, o impacto do isolamento social imposto pela pandemia de COVID-19.

“Como o entretenimento em outros setores freou com a pandemia, os eSports ganharam maior visibilidade, ocupando um espaço importante e mostrando resultados expressivos em conhecimento sobre o que é esta modalidade, sua prática e o consumo de conteúdo relacionado a ela entre os gamers no Brasil”

Carlos Silva, Head de Gaming na GoGamers

A pesquisa também revelou que assistir a partidas competitivas tornou-se parte da atividade semanal de muitos brasileiros. Enquanto 12,8% dos gamers que conhecem eSports consomem conteúdo relacionado diariamente, 18,2% fazem isso duas vezes por semana, e 17,8% uma vez por semana. O tempo desprendido para o consumo desse tipo de entretenimento é superior a 3 horas semanais para 29% da audiência e a 2 horas semanais para 24,7% do público de eSports no Brasil. Enquanto que somente 14,3% não acessam streamings ou consomem outro tipo conteúdo relacionado a eSports.

PGB 2021 mapeou ainda as modalidades de jogos eSports que o público mais acompanha no país e o queridinho não poderia ser outro: o battle royale, de jogos como Free Fire e Fortnite, chegando a 53,5% do público pesquisado. Na sequência, estão os jogos de futebol e de luta, com 44,5% e 37,7%, respectivamente. A pesquisa foi realizada em fevereiro de 2021 e ouviu 12.498 pessoas em 26 estados e no Distrito Federal. Veja alguns infográficos mostrando mais resultados da pesquisa: