Ei Nintendista! Já ouviu o último episódio do nosso podcast?

The Legend of Zelda – A Timeline Completa (Parte 18: Breath of the Wild)

The Legend of Zelda - A Timeline Completa (Parte 18: Breath of the Wild)

Olá, meus amigos! Hoje a gente vai dar uma continuidade a série de vídeos que vão contar a história da linha cronológica de uma das maiores sagas da Nintendo: The Legend of Zelda. Hoje a gente vai falar de The Legend of Zelda: Breath of the Wild, jogo que saiu para Wii U e Nintendo Switch.

Perdeu alguma parte da Timeline? Confira ao final da matéria links para todas as partes já publicadas

Vídeo Original de 25/10/2020

Linha do tempo do Link Adulto

E só pra gente entender melhor onde esse game se encaixa na linha do tempo: ele não é continuação direta de nenhuma das separações da linha do tempo do Link criança, ou adulto. Mas a única certeza é de que ele acontece no exato fim da linha do tempo. Não há nada depois dele. Bom, pelo menos até agora, se a Nintendo não resolver mexer (de novo). Então, bora lá para Breath of the Wild!

Breath of the Wild

Os eventos narrados em Breath of the Wild se passam muito tempo depois dos eventos de todos os jogos que vimos aqui. A maioria deles até já se tornou mito. E é muito difícil dizer quais foram reais e quais são contos de fadas.

No entanto, uma entidade conhecida como “Ganon da Calamidade” foi derrotada 10 mil anos atrás e revivida 100 anos antes do início do game.

A civilização avançada

10 mil anos antes de Breath of the Wild, a tribo Sheikah desenvolveu tecnologia altamente avançada. E isso fez com que Hyrule prosperasse. Além disso, os Sheikah construíram os Guardiões e as Bestas Divinas, como se eles estivessem se preparando para o retorno de Ganon.

Quando Ganon da Calamidade apareceu, as reencarnações de Zelda e Link foram capazes de selá-lo com o apoio dos Guardiões construídos pelos Sheikah. Apesar disso, o rei de Hyrule ficou paranoico, temendo uma possível traição dos Sheikah. Sob seu comando, ele enterrou os Guardiões e as Bestas nos subsolos de Hyrule.

Em certo ponto, uma facção militante dos Sheikah se separou e fundou o clã Yiga, que jurou lealdade ao Rei Demônio Ganon. Com os Sheikah espalhados por todo o país e muitos deixando de lado as tecnologias de sua civilização, o reino de Hyrule entrou em um estado primitivo nos anos seguintes.

Durante esse tempo, os Sheikah acabaram se estabelecendo na vila de Kakariko e não demonstravam uma ameaça que justificassem ser banidos.

Sinais de Retorno de Ganon

Exatamente 9.900 anos após a derrota de Ganon, uma nova Princesa Zelda nasceu, de acordo com a tradição. Por volta dessa mesma época, uma profecia advertia sobre um possível retorno de Ganon da Calamidade. E que a resposta estaria embaixo do solo

Neste mesmo período, a mãe da Zelda de repente faleceu quando ela tinha apenas 6 anos, o que atrapalhou o processo para selamento do Calamity Ganon pois não havia ninguém para ensinar à pequena princesa, as técnicas de selamento usando seus poderes. Nem como despertar seus poderes. A princesa ficou sem sua mãe e mentora.

Na esperança de se preparar para uma nova batalha assim como seus ancestrais, o povo de Hyrule trabalhou arduamente para escavarem os Guardiões e as Bestas desenvolvidas pelos Sheikah. Apesar do trabalho árduo, os hyruleanos conseguiram escavá-las e ativá-las. Feito isso, seriam necessários guerreiros para serem os pilotos dessas tecnologias: os Campeões.

Comandados pela Princesa Zelda, os Campeões incluíam Link, seu cavaleiro e guarda-costas pessoal, e um representante de cada raça principal de Hyrule:

  • Revali dos Ritos;
  • Daruk dos Gorons;
  • Mipha dos Zora;
  • Urbosa dos Gerudo.

Enquanto os outros campeões pilotavam a respectiva Besta Divina de sua raça, Zelda, agora com 17 anos, foi enviada em uma peregrinação sob a proteção de Link, para orar para a deusa Hylia. Em suas orações, Zelda pediu um poder que fosse capaz de derrotar o Ganon da Calamidade. Mas a princesa não teve sucesso.

Minutos depois de terminar a sua oração na Fonte da Sabedoria, a Calamidade quebrou seu selo e se ergueu ao redor do castelo. Depois disso, ele corrompeu todo o exército, liberando uma toxina venenosa conhecida como Malice. Os Campeões, que estavam com Zelda, correram para os seus Guardiões, na esperança de salvar Hyrule e derrotar Ganon.

Mas, já era tarde. Ganon enviou suas encarnações Malice atrás dos Guardiões, matando cada um dos Campeões. Após perder suas armas mais poderosas e a esperança de derrotar Ganon, Hyrule foi devastada e Link mortalmente ferido, tentando proteger Zelda. Zelda conseguiu despertar os seus poderes, mas já era tarde.

A única coisa que restava a Zelda era fazer com que Link entrasse em um sono profundo de 100 anos no Santuário da Ressurreição. Usando suas últimas forças, Zelda parte para enfrentar Ganon da Calamidade sozinha e ela é capaz de selá-lo. Mas, teve um custo muito alto. Ela precisaria ficar presa dentro dele que o selo continuasse resistente o suficiente.

100 anos depois

100 anos depois, Link acorda de um sono profundo sem se lembrar de nada, e é guiado por uma voz misteriosa até descobrir o que aconteceu com Hyrule. Link então conhece um velho, que era o antigo Rei de Hyrule e Link descobre sobre o passado e sobre Ganon da Calamidade.

Incapaz de ser derrotado, a entidade maligna jazia selada no Castelo de Hyrule, enquanto o reino foi devastado pela natureza com o passar dos anos. Embora preso, Ganon conseguiu aumentar seu poder, e cabia a Link derrotá-lo antes que ele se libertasse mais uma vez para destruir o mundo. Depois de escapar dos confins do Grande Planalto, Link é encorajado a encontrar a sábia anciã Impa.

Ao encontrá-la, ele descobre sobre os Guardiões que foram criados 10 mil anos antes, e que eles foram usados por outro herói e outra Princesa para derrotar Ganon. Mas, ao longo dos tempos, o conhecimento sobre tal tecnologia foi se perdendo, até que as escavações do Reino de Hyrule trouxeram elas à luz mais uma vez.

E isso coincidiu com a profecia do retorno de Ganon. Nesse momento, Link descobre sobre os Campeões escolhidos para assumir cada um dos Guardiões de sua raça. É nesse momento que Link também descobre sobre os esforços de Zelda em salvar Hyrule, que resultaram em colocá-lo em um sono profundo por 100 anos.

Ciente de seu passado, Link agora deve explorar o novo Reino de Hyrule, investigar o destino dos Campeões e o que aconteceu com os Guardiões. Assim, ele conseguiria força suficiente para chegar ao Ganon da Calamidade, libertar Zelda antes que o mundo seja destruído. Seguindo sua jornada, Link consegue recuperar a Master Sword dentro da Floresta Korok, e é finalmente guiado pela voz da princesa Zelda direto para o Castelo de Hyrule.

Embora ele pudesse ter ido totalmente sozinho, ele opta por procurar ajuda dos Campeões. Seguindo seu caminho pelo Reino de Hyrule, Link consegue reviver as memórias de Urbosa, dos Gerudo. Feito isso, Urbosa oferece parte de seu poder para que Link tenha uma chance contra Ganon. Link prossegue e consegue reviver as memórias de Mipha, que também oferece parte de seu poder para que Link liberte Zelda.

Daruk também ofereceu parte de seu poder para auxiliar Link em sua jornada. No topo das montanhas, Link revive as memórias de Revali, que também oferece a Link seu poder em sua empreitada. Após Link completar as 4 tarefas, era hora dele voltar ao Santuário da Ressurreição para completar a Balada dos Campeões.

Lá, Link prova ser o Herói verdadeiro derrotando Monk Maz Koshia. Feito isso, Link desbloqueia uma memória sobre os 4 Campeões e ele, 100 anos atrás. Com o poder dos 4 campeões, Link é recebe uma mensagem Zelda, que viu sua jornada a distância. A princesa diz ao nosso herói que ele finalmente está pronto para derrotar a Calamidade de Ganon.

Com a ajuda de todos os Campeões, Link é capaz de ferir criticamente Ganon da Calamidade dentro do Castelo de Hyrule usando a Master Sword. Isso faz com que a Malice que estava sobre Ganon se espalhasse fora do Castelo, se transformando na Black Beast Ganon. Zelda, ainda presa no selo, invoca o arco de luz e Link usa-o para enfraquecer Ganon o suficiente para permitir que Zelda se liberte do selo e consiga selar o rei demônio novamente.

Depois de derrotar a Calamidade, Hyrule começa a florescer novamente. E a Princesa Zelda se concentra em reconstruir o Reino, enquanto Link continua a apoiá-la e a protegê-la.


Timeline Completa


Escrito e Editado pela Equipe Coelho no Japão em parceria com o site Nerd Week


[A coluna acima reflete a opinião do redator e não do portal Project N]